Login| Sign Up| Help| Contact|

Patent Searching and Data


Title:
OZONE APPLICATION SYSTEM FOR TREATING AIR, DISINFECTING EGGS, MILKING TOOLS, MILK STORAGE AND TRANSPORT CONTAINERS
Document Type and Number:
WIPO Patent Application WO/2012/075553
Kind Code:
A1
Abstract:
The present invention relates to an ozone application system for disinfecting and treating air (in egg laying farms, cold rooms, egg incubation facilities, egg incubators, egg hatchers, silent rooms, swine gestation and farrowing crates, milk coolers and milkers, milk storage and transport containers, and disinfection of teats of dairy cows). This treatment is carried out by a system which, by means of an ozone generator (02), gives out ozone into the ambient air through an applicator (04), in order to improve decontamination of the environment, eggs, chicks, milking and milk storage equipment, and the teats of dairy cows.

Inventors:
VADAMERI, Alberto (Rua Brasília 171, Bairro São CristovãoLajeado - RS, Cep: -000, 95900, BR)
Application Number:
BR2011/000447
Publication Date:
June 14, 2012
Filing Date:
December 05, 2011
Export Citation:
Click for automatic bibliography generation   Help
Assignee:
TRAMUJAS, Tatiana Cristiane Hass (Rua Rui Moraes de Azambuja N° 905, Bairro MontanhaLajeado - RS, Cep: -000, 95900, BR)
TRAMUJAS, Gustavo Hofstaetter (Rua Rui Moraes de Azambuja N° 905, Bairro MontanhaLajeado - RS, Cep: -000, 95900, BR)
VADAMERI, Alberto (Rua Brasília 171, Bairro São CristovãoLajeado - RS, Cep: -000, 95900, BR)
International Classes:
A61L9/015; A01K45/00; A23B5/00; A23B5/10
Domestic Patent References:
Foreign References:
JP2008289523A
CN2902291Y
US5983834A
US5514345A
US6325971B1
Attorney, Agent or Firm:
CORDEIRO, Leonardo Amaral Lima (Praça Saenz Peña, 33/704Tijuca, -090 - Rio de Janeiro - RJ, 20520, BR)
Download PDF:
Claims:
REIVINDICAÇÕES

1. Sistema de aplicação de ozônio para tratamento de ar,

desinfecção de ovos, utensílios de ordenha, recipientes para

armazenamento e transporte de leite caracterizado pelo fato de compreender um alimentador de oxigénio (1 ), um gerador de ozônio (2), um painel de controle (3) e um aplicador de ozônio (4).

2. Sistema para aplicação de ozônio, de acordo com a reivindicação

1 , caracterizado pelo fato de que o ozônio é direcionado através de tubos conectados ao sistema.

3. Sistema para aplicação de ozônio, de acordo com as

reivindicações 1 ou 2, caracterizado pelo fato de que o sistema compreende ainda uma fonte de oxigénio.

4. Sistema para aplicação de ozônio, de acordo com a reivindicação 3, caracterizado pelo fato de que a fonte de oxigénio pode ser um concentrador de oxigénio, um compressor de ar ou um cilindro de oxigénio.

5. Sistema para aplicação de ozônio, de acordo com as

reivindicações 1 , 2, 3 ou 4, caracterizado pelo fato de que a distribuição de ozônio pode sofrer adaptações para cada setor de aplicação

mencionado.

6. Sistema para aplicação de ozônio, de acordo com a reivindicação 5, caracterizado pelo fato de que o setor de aplicação mencionado pode ser: Granjas de postura, quartos frios, incubadoras de ovos, nascedouros de ovos, quartos silenciosos, maternidade e creche de suínos,

resfriadores e ordenhadeiras de leite, recipientes para armazenar e transportar leite e desinfecção dos tetos de vacas leiteiras.

5. Sistema para aplicação de ozônio para tratamento de ar, desinfecção de ovos, utensílios de ordenha recipientes para

armazenamento e transporte de leite caracterizado pelo fato de compreender as etapas de:

a. produção de ozônio; b. mistura do ozônio no ar do ambiente para produzir ar ozonizada; c. tubulação para direcionamento do ar ozonizado para tratamento de ar e desinfecção de ovos, utensílios de ordenha recipientes para armazenamento e transporte de leite.

d. aplicação e distribuição de ozônio adaptado para cada setor de aplicação.

Description:
SISTEMA DE APLICAÇÃO DE OZÔNIO PARA TRATAMENTO DE AR, DESINFECÇÃO DE OVOS, UTENSÍLIOS DE ORDENHA, RECIPIENTES

PARA ARMAZENAMENTO E TRANSPORTE DE LEITE.

CAMPO DE APLICAÇÃO

A presente invenção tem como objetivo apresentar um sistema de aplicação de Ozônio para desinfecção e tratamento do ar para granjas de postura, quartos frios, incubatórios de ovos, incubadoras de ovos, nascedouros de ovos, quartos silenciosos, maternidade e creche de suínos, resfriadores e ordenhadeiras de leite, recipientes para armazenar e transportar leite e desinfecção dos tetos de vacas leiteiras.

DESCRIÇÃO DO ESTADO DA TÉCNICA

O ozônio existe na natureza (atmosfera) e é naturalmente produzido por raios ultravioletas provenientes do sol ou pode ser produzido eletronicamente por efeito corona. O ozônio também é formado quando um raio atravessa a atmosfera. É um gás incolor (03), assim como o oxigénio (02).

Possui um odor característico, que na concentração adequada, deixa o ambiente com um agradável cheiro e frescor.

O ozônio não deixa resíduos, é totalmente natural, voltando a ser oxigénio após a desinfecção da água ou do ar.

O ozônio gasoso é altamente reativo. O ozônio oxida (quebra) rapidamente a matéria orgânica. Quando o ozônio encontra outro composto, um átomo de oxigénio irá soltar-se da molécula de 03 e se ligar quimicamente ao composto, oxidando-o.

O ozônio mata bactérias em frações de segundos por oxidação completa da membrana celular. O ozônio rompe a membrana celular, dispersando o citoplasma da célula na água e torna a reativação impossível.

O ozônio á capaz de oxidar a maioria das substâncias orgânicas e inorgânicas e também age como um microfloculante ajudando na coagulação, precipitação e filtração de sólidos, como o ferro e o manganês.

No Brasil, através da Resolução n° 25/76 da Comissão de Normas e Padrões para Alimentos, o Ministério da Saúde indica o ozônio para lavagem de frascos, caixas de água, dutos e máquinas, além de embalagens. Igualmente, através da Portaria n°1469 de 29/12/2000, no art. 13°, parágrafo único, o MS admite "...a utilização de outro agente desinfetante..." que não o cloro. Portanto, não há empecilho legal para o uso do ozônio.

Um dos maiores benefícios do ozônio é sua habilidade em controlar doenças e odores, destruindo os organismos patogênicos como a

Legionella. Por eliminação dos microorganismos como as bactérias, vírus, musgos, fungos e algas, o ozônio mantém o meio ambiente seguro e agradável.

É um sistema ecologicamente correto. Os únicos produtos

resultantes do uso do ozônio são O2 [oxigénio], CO2 [Gás Carbónico], H2O [água] e óxidos resultantes das ações de oxidação que se precipitam para o fundo da torre.

O custo dos bens e serviços associados com a criação de aves, peru, suínos, bovinos e produção de leite esteve continuamente subindo ao longo das últimas décadas, enquanto os preços dos animais e leite no varejo têm se mantido relativamente estável. Como consequência, tem sido e continua a ser uma pressão significativa sobre os produtores de animais e leite para desenvolver novas tecnologias e metodologias de produção que visam reduzir custos por meio de aumento da eficiência global de produção.

Três áreas de especial interesse para os produtores comerciais de animais e leite são a relação de conversão alimentar, mortalidade e higiene dos equipamentos. A conversão alimentar relacionada a

quantidade de ração consumida em relação ao peso final do animal, as taxas de mortalidade referem-se à morte prematura e, portanto, a perda completa do animal e a higienização dos equipamentos que entram em contato direto com o leite vão influenciar na qualidade (contaminação) e em consequência no valor a receber pelo produtor. Avicultores se esforçam para maximizar os resultados de conversão alimentar e minimizar as taxas de mortalidade das aves, produtores de leite procuram uma melhor higienização de seus equipamentos, otimizar esses parâmetros acabaria por conduzir a uma redução global dos custos de produção e um aumento das margens de lucro.

Por exemplo, na avicultura um fator importante, relevante para os resultados de conversão alimentar e mortalidade das aves, é a qualidade do pintinho. Tem sido bem documentado, através de extensa pesquisa, que o principal problema de mortalidade inicial das aves é diretamente relacionada à saúde do pintinho. Para que os pintinhos possam nascer saudáveis tem que haver uma boa descontaminação de seus ovos na granja de postura e que não ocorra contaminação dos mesmos em todas as fazes que ele passa até chegar aos aviários. Para que isso aconteça tem que existir um controle grande na contaminação do ar nos quartos frios, incubatórios, incubadoras, nascedouros e quartos silenciosos que pode ser realizado com ozônio. Portanto, é razoável supor que

melhorando a qualidade do ar para uma redução da contaminação dos ovos e pintinhos levará a melhora nos índices de conversão alimentar, mortalidade e que, portanto, levam a um custo menor e uma operação mais eficiente.

Enquanto os sistemas de tratamento de ar que utilizam ozônio, como agente de desinfecção, são utilizados em sua maioria para tratamento de ambientes com circulação de pessoas e armazenamento de alimentos. Estes equipamentos são grandes e não são portáteis e precisam de sensores para controle rígido na dosagem. Os poucos sistemas voltados para o Agronegócio são complexos e também não são portáteis e com um custo elevado. A presente invenção mostra um sistema de injeção de ozônio no ar para o setor do agronegócio, portátil e simples.

Um exemplo sobre este assunto é o documento N° US2004141874A1 que mostra um sistema para injetar ozônio no ar e na água das casas de confinamento dos animais, o sistema gera ozônio e envia metade da produção para a desinfecção do ar da casa de

confinamento e a outra parte injeta na água de consumo dos animais confinados, como por exemplo, as aves. Porém, o sistema da presente invenção é mais simples e portátil e melhor opção para aplicações onde a necessidade é somente para ozonização do ar. O documento BR MU 8700485U2 de Schneider apresenta um sistema de ozonização de ar e água idêntico ao sistema da patente N° US2004141874A1 acima descrita. Mais uma vez o sistema da presente invenção é mais simples e portátil e melhor opção para aplicações onde a necessidade é somente para ozonização do ar.

Assim, tanto do ponto de vista da saúde básica e uma perspectiva de lucro comercial, pode-se ver que proporcionando uma melhor qualidade do ar reduzirá a contaminação e doenças, utilizados para resultar em um animal limpo e saudável e equipamentos com menor contaminação.

Como discutido anteriormente, mais limpo, saudável e menor

contaminação resulta em animais mais limpos e produtos alimentares mais saudáveis, bem como uma melhor e maior produção de alimentos, que seja vantajosa para todos. No entanto, como pode ser visto um sistema para a injeção de ozônio no ar simples na sua concepção, operação e também portátil não está disponível no estado da técnica. É a essa necessidade e outras necessidades que a presente invenção é dirigida.

SUMÁRIO DA INVENÇÃO

A presente invenção refere-se a um Sistema de aplicação de Ozônio para desinfecção e tratamento do ar para granjas de postura, quartos frios, Incubatórios de ovos, incubadoras de ovos, nascedouros de ovos, quartos silenciosos, maternidade e creche de suínos, resfriadores e ordenhadeiras de leite, recipientes para armazenar e transportar leite e desinfecção dos tetos de vacas leiteiras, com o objetivo de diminuir a contaminação dos recipientes para o armazenamento e transporte do leite e diminuir o nível de contaminação, especialmente poluentes orgânicos, bactérias e vírus, e obter uma alternativa para melhorar o tratamento e desinfecção do ar ambiente, ovos e tetos de vacas sem a utilização de produtos químicos para todo setor do Agronegócio.

Assim sendo, apresenta-se como primeiro propósito da invenção prover um método eficiente e económico para tratamento e desinfecção do ar, para a higienização de ambientes, ovos, tetos e recipientes para armazenar e transportar leite, por oxidação de seus contaminadores com ozônio produzido no local. Este método permite matar poluentes vivos contaminadores tais como bactérias, fungos e vírus.

BREVE DESCRIÇÃO DOS DESENHOS

A Figura 1 é um diagrama esquemático ilustrando o sistema de aplicação de ozônio no ar para tratamento.

BREVE DESCRIÇÃO DA INVENÇÃO

A presente invenção refere-se a um sistema para injetar ozônio no ar, fornecido para desinfecção e tratamento do ar para granjas de postura, quartos frios, Incubatorios de ovos, incubadoras de ovos, nascedouros de ovos, quartos silenciosos, maternidade e creche de suínos, resfriadores e ordenhadeiras de leite, recipientes para armazenar e transportar leite e desinfecção dos tetos de vacas leiteiras, reduzindo vírus, bactérias e contaminantes presentes no ar.

O ozônio é reconhecido como um potente desinfetante, usado para controle microbiológico, ele destrói bactérias, vírus e outros

microrganismos ao contato liberando uma carga elétrica que literalmente desintegra as paredes das células, logo, de maneira similar ataca e elimina as partes internas até que não fique nada senão bióxido de carbono e água sem gerar resíduos químicos. É um sistema

ecologicamente correto, totalmente natural. Os únicos produtos

resultantes do uso do ozônio são O2 (oxigénio), CO2 (Gás Carbónico), H2O (água) e óxidos resultantes das ações de oxidação. O ozônio pode ser empregado para purificar o ar do ambiente, favorecendo a uma sensível melhoria nas condições de armazenagem e preservação dos ovos, principalmente no período de incubação dos mesmos, pois impede a invasão de substâncias microbiológicas externas. Após o nascimento, os pintinhos, por estarem em um ambiente com ar ozonizado, não serão expostos à inalação de micróbios, mesmo nos locais onde haverá o contato com humanos.

O ozônio é extremamente eficaz para o controle microbiológico, na destruição de bactérias, vírus e fungos, com a vantagem de não gerar resíduos químicos.

Com estas propriedades, o ozônio pode e deve ser utilizado no tratamento e desinfecção de ambientes destinados a criação de animais, pois além de ser realmente livre de resíduos, não contamina o ambiente.

Num ambiente tratado com ozônio (ar) a produtividade aumenta e os animais têm condições de se desenvolver mais rapidamente, pois estão realmente mais protegidos das infecções que normalmente os impedem de serem sadios. Com isso, haverá uma redução significativa nas perdas por infecções, bem como um menor uso de medicamentos para tratá-los.

DESCRIÇÃO DETALHADA DA INVENÇÃO

A presente invenção compreende um método e sistema de aplicação de ozônio no ar fornecido para desinfecção e tratamento do ar para animais e desinfecção de ovos, tetos de vacas e recipientes para armazenamento e transporte de leite para obter uma redução na contaminação por vírus, bactérias, fungos e contaminantes.

O modo de funcionamento do sistema consiste em, por um lado produzir ozônio por um gerador (02) alimentado por oxigénio (01 ) onde é levado ao local de utilização através de um aplicador de ozônio (04) e todo este sistema é controlado por um painel de controle (03). Esta aplicação e dosagem de ozônio devem ser feitas com precisão para que sejam alcançados os objetivos desejados em cada finalidade. O sistema para aplicação de ozônio direciona o ar ozonizado através de tubos conectados ao sistema de aplicação de ozônio para ozonizar o ar para tratamento de ar, desinfecção de ovos, utensílios de ordenha, recipientes para armazenamento e transporte de leite.

O sistema acima descrito pode ser melhor compreendido conforme mostra a Figura 1 , em forma esquemática.

Referindo-se ao sistema de aplicação de ozônio no ar ambiente no caso de tratamento de ar para creche e maternidade de suínos, ou um lugar maior, é usado um sistema para melhor distribuição do ozônio no ambiente como, por exemplo, um ventilador ou outro sistema de circulação de ar.

A representação feita na figura 1 visa tão somente servir como esquema explicativo da presente invenção, não significando qualquer limitação frente às alternativas possíveis de serem alcançadas dentro do espírito e escopo do presente modelo.

No setor do agronegócio, citamos abaixo alguns exemplos onde o ozônio pode ser utilizado:

Granjas de postura: Estamos conscientes da suscetibilidade dos ovos recém postos às infecções microbiológicas de várias fontes, tais como, o contato com esterco, manipuladores e contaminação aeróbia e anaeróbia. A longa espera que sofrem os ovos nestas condições até serem reunidos aumenta o risco de infecção. Um ovo recentemente posto pode ser descontaminado com ozônio (substituindo o formol hoje utilizado), colocando os ovos em um ambiente fechado e saturando o ar de ozônio que entra em contato com a casca do mesmo e realizando a descontaminação. Qualquer micróbio que haja na casca será eliminado imediatamente pelo ozônio. Os ovos serão então acomodados em caixas limpas para a serem transportados para a seguinte etapa do processo.

Quartos frios: o sistema de aplicação de ozônio no ar é eficaz para controlar o mofo, bactérias e odores nos ambientes (salas, câmaras frias e caminhões para transporte) de armazenagem de ovos. O armazenamento em quartos frios antes da incubação pode ser de 1 hora até uns poucos dias. A maioria dos quartos frios mantém uma

temperatura de 15°C e uma umidade ambiental de 72% para prevenir o ressecamento dos ovos.

Incubatórios de ovos: o sistema de aplicação de ozônio no ar ambiente, onde os ovos e pintinhos são manipulados, é eficaz para controlar uma possível contaminação dos mesmos pelo mofo, bactérias, vírus e fungos e serve também para eliminar odores tornando o ar ambiente mais agradável para quem está trabalhando.

Incubadoras de ovos: durante o processo de incubação os ovos estão em um ambiente de alta temperatura e umidade. A casca porosa do ovo está sujeita à constante invasão de substâncias microbiológicas externas, mas que logo são bloqueadas pela envolvente membrana protetora interior. Este ambiente de incubação necessita ser tratado como parte da cadeia do processo total. A chave aqui está em manter a apropriada atmosfera de ozônio que vai destruir qualquer micróbio que possa atacar os ovos incubados.

Nascedouros de ovos: esta é a fase mais crítica de todo o processo, sem tratamento, os recém nascidos estão expostos à inalação dos micróbios liberados no momento em que se rompe a casca. Agora nós podemos controlar este ambiente. Tratando o pintinho, podemos manter os melhores níveis de ar ozonizado o qual vai destruir qualquer microorganismo que seja liberado quando as cascas são abertas. O ar ozonizado é muito útil quando estão tomando seu primeiro respiro.

Quartos Silenciosos: depois da vacinação, corte do bico,

classificação, etc. é o primeiro contato real dos pintinhos com o ser humano. Como uma medida de precaução contra a contaminação humana, este ambiente deve ser incluído no processo de tratamento com ozônio.

Maternidade e creche de suínos: a contaminação do ar ambiente das maternidades e creches de leitões é muito grande por ser um lugar fechado. Essa contaminação tem que ser controlada, pois pode causar doenças nos animais, e por consequência perda financeira para o produtor. O ozônio pode ser um grande aliado neste controle por ser um forte oxidante que ataca vírus, bactérias e fungos presentes no ar ambiente que podem prejudicar e causar doenças aos animais.

Resfriadores e ordenhadeiras de leite: a qualidade higiénica do leite depende unicamente da higienização das instalações, utensílios, equipamentos, ordenhadeiras e resfriadores. A aplicação do ozônio se adapta bem a essa necessidade, por ser um forte oxidante, ele também remove o filme de gordura deixado pelo leite, mata bactérias e vírus e o principal, não deixa resíduos químicos que podem alterar a qualidade do leite.

Recipientes para armazenar e transportar leite: a qualidade final do leite também depende da qualidade de seu transporte e armazenamento até a sua industrialização ou consumo. Portanto se os recipientes onde o leite for armazenado ou transportado não forem bem higienizados podem contaminar o leite. Portanto o ozônio pode ser uma ótima opção para a oxidação (desinfecção) de bactéria, vírus e fungos que possam estar presentes nestes recipientes.

Desinfecção dos tetos de vacas leiteiras: uma boa higienização e desinfecção reduz a contaminação de bactérias na pele do teto e melhora a qualidade bacteriológica do leite. Mas o principal problema é que na hora da lavagem a água é um carregador de bactérias e os tetos devem ser bem secos após a lavagem, o que é difícil. Neste caso o ozônio é uma boa opção, pois é um gás que combate bactéria e vírus e não é necessário o toque no teto da vaca, evitando assim a contaminação cruzada. Pode ser aplicado pré e pós ordenha.

Num ambiente tratado com ozônio (ar) a produtividade de aves, peru, suínos e bovinos aumenta, devido às melhores condições geradas pela aplicação correia do ozônio fornecendo melhores condições para se desenvolverem, pois estão mais protegidos das infecções que normalmente os impedem de serem sadios. Com isso, haverá uma redução significativa nas perdas por infecções, bem como um menor uso de medicamentos para tratá-los.

A invenção pode, evidentemente, ser realizada em outras vias específicas do que as estabelecidas pelo presente, sem se afastar do espírito e as características essenciais da invenção. A atual configuração, portanto, deve ser interpretada como em todos os aspectos ilustrativos e não restritivos às possíveis mudanças que virão.

A descrição detalhada, exemplos e os números são acrescentados apenas para fins ilustrativos e não pretendem limitar o alcance e o espírito da invenção, e seus equivalentes, tal como definido pelas reivindicações. Por exemplo, sistemas afins, a alimentação de oxigénio (01 ) do sistema de aplicação de ozônio pode ser através de concentrador de oxigénio, compressores de ar, cilindros de oxigénio ou qualquer sistema que melhor se adapte a sua aplicação. O gerador de ozônio (02) pode ser qualquer fonte de ozônio, aditivos suplementares, tais como vitaminas e

antibióticos, podem ser adicionados, para a saúde dos animais, e assim por diante. Um técnico no assunto reconhece que muitas variações podem ser feitas com a invenção divulgada nesta especificação, sem se afastar do âmbito de aplicação e espírito de invenção.