Login| Sign Up| Help| Contact|

Patent Searching and Data


Title:
LAMINATED GLASS PANEL DOOR, WITH MOUNTING BY MEANS OF A SLIDING ASSEMBLY FOR A SYSTEM FOR OPENING AND CLOSING OPENINGS
Document Type and Number:
WIPO Patent Application WO/2021/072516
Kind Code:
A1
Abstract:
The aim of the invention is to allow the use of laminated glass panels, without drilling and without rollers, for closing and opening bathroom enclosures, in a sliding system. To this end, two fixed guides (1) and (7), respectively external to the enclosure (for the fixed glass (VF)) and internal to the enclosure (for the movable glass (VM)), are coupled to each other by means of a movable base (8) that holds a movable profile (17) for accommodating the movable glass panel (VM). When the opening or closing action is imposed by the user, using a handle (P), the movable glass panel (VM) moves smoothly with its movable base (8) sliding along the internal fixed guide (7) to open and close the bathroom enclosure.

Inventors:
DE MELLO ANTONIO CARLOS (BR)
Application Number:
PCT/BR2020/050383
Publication Date:
April 22, 2021
Filing Date:
September 29, 2020
Export Citation:
Click for automatic bibliography generation   Help
Assignee:
DE MELLO ANTONIO CARLOS (BR)
International Classes:
A47K3/34; E05D15/06; E05F11/08; E05F11/54; E06B3/46
Attorney, Agent or Firm:
CANNON MARCAS E PATENTES LTDA. (BR)
Download PDF:
Claims:
REIVINDICAÇÕES

1 - PORTA DE PAINÉIS DE VIDRO LAMINADO, COM

MONTAGEM ATRAVÉS DE CONJUNTO DESLIZANTE, sendo uma porta constituída, em sua estrutura de sustentação inferior, de uma guia fixa ( 1) externa ao boxe do banheiro, contendo um apoio (2) e dotada de dentes (3) de travamento de um tampo de acabamento (4), além de receber, por meio de dentes e aba (5), o travamento de dentes e abas (6) correspondentes de uma outra guia fixa (7), interna ao boxe do banheiro, sendo que a dita guia fixa externa ( 1) acomoda, no seu apoio (2), a borda inferior de encaixe do painel de vidro fixo (VF) e, por sua calha lateral ( 11) prende, entre dentes (10), a ponta circular (9) da lateral de uma base móvel (8), caracterizada por se assentar, por sua porção inferior abaulada (12), na guia fixa interna (7), além de ser presa por sua aba meia cana superior (13), entre dentes ( 14) de um perfil móvel ( 16) dotado de berço semicircular (15) que é alinhado à referida aba meia cana superior ( 13), formando um orifício (17) de aparafusamento de um batente ( 18) de mesmo perfil da base móvel (8), travando essa última ao dito perfil móvel (16), o qual, por sua vez recebe um apoio (19) de assentamento da borda inferior de encaixe do painel de vidro móvel (VM) e um batedor (20), além de fechamento lateral por uma capa inferior (21) dotada de dentes (22) de engate das extremidades inferiores de calhas verticais (23) de sustentação lateral dos painéis de vidro (VF) e (VM), ditas calhas verticais (23), por sua vez, tendo as extremidades superiores acopladas nos dentes (24) da capa superior (25) de fechamento lateral da guia fixa superior (26), dotada de calha (27) receptora de painel de acabamento (28), além de ser estruturada por guia interna (29) com batedor (30) e receptora do encaixe da borda superior do painel de vidro móvel (VM) e de uma guia fixa externa (31) receptora do encaixe a borda superior do painel de vidro fixo (VF).

2 - SISTEMA DE ABERTURA E FECHAMENTO DE VÃOS, de acordo com o conjunto e sua montagem, definidos na reivindicação 1 , após fixado o conjunto no boxe por aplicação de cola de silicone, fita adesiva ou outros meios entre o piso, paredes e viga (teto) do banheiro, a partir de um puxador (P) (igualmente fixado por cola no vidro móvel (VM)) laminado, este último, ao ser movimentado pelo usuário, ser caracterizado pelo seu deslizar no perfil móvel (17) através do faceamento da porção inferior meia cana (12) da base móvel (8) sobre a superfície da guia fixa interna (7) e guiada pela calha lateral ( 11) da guia fixa externa (1), em fim de curso tanto na abertura quanto no fechamento, respectivamente entre o batedor (20) e o batente (18), sendo o fim de curso na guia superior (26), feito pelo batedor (30) .

Description:
PORTA DE PAINÉIS DE VIDRO LAMINADO, COM MONTAGEM ATRAVÉS DE CONJUNTO DESLIZANTE PARA SISTEMA DE ABERTURA E FECHAMENTO DE VÃOS [001] Refere-se o presente relatório descritivo, ao pedido de patente de invenção um arranjo de elementos que formam a esquadria inferior (trabalhando em conjunto com esquadria superior-guia), desenvolvidos para a sustentação e a movimentação deslizante de painéis de vidro laminado quando da abertura e do fechamento de vãos, destinados especificamente para boxes de banheiro.

[002] Através do sistema desenvolvido, além de se evitar o uso de roldanas e complexas construções, pode-se empregar, ao invés de vidro temperado, painéis de vidro laminado pois não há necessidade de qualquer tipo de furação para sua instalação e funcionamento.

Comentários da técnica

[003] É sabido que o Brasil possui uma zona costeira de mais de 8500 km de extensão - (Fonte: Ministério do Meio Ambiente; www.mma.gov.br/biodiversidade-aquatica/zona-costeira-e- marinha.html) e, ao longo dela, milhares de lares que possuem algum tipo de instalação de vidros de correr, sustentada por roldana. Devido a maresia da costa tropical, nessas zonas costeiras as roldanas sofrem danos severos muito mais rapidamente, do que em outras regiões do país. Por isso deve ser salientada a importância da eliminação do sistema de roldanas para atender a necessidade de toda essa extensão territorial.

[004] Apenas para exemplificar o exposto acima pode ser citado o documento de patente BR 202014026915-6 denominado “APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM PORTA DE CORRER DE BOX DE BANHEIRO. Duas imagens desse documento citado são apresentadas como figura 1 , também apenas de forma exemplificativa para o pedido a ser descrito mais adiante. Pela imagem dessa figura 1, observa-se o sistema de “roldanas”, no caso denominadas roletes, cujo conjunto (R) é montado em uma carretilha (C) deslizante por um par de calhas (K) do trilho horizontal (T) superior, fechado por tampa (5) e apoiado em suportes (S) previamente fixados nas paredes do box do banheiro . Esse trilho horizontal superior (T) possui calhas verticais (10) de fixação lateral para os painéis de vidro (V), os quais apoiados inferiormente em uma guia central (G) com roletes.

[005] Essa movimentação por roldanas ou roletes, geralmente montados nos trilhos por meio de complexos arranjos pode também trazer problemas para esses elementos de giro impondo-lhes desgastes devido ao clima, como foi dito, e também à pressão por causa de desnivelamentos, flambagens dos painéis de vidro temperado (de grande peso) durante abertura e fechamento do vão. Um outro problema observado em relação ao jogo de roldanas é que sua fixação, por eixo através de suporte, no trilho, deixa frestas com a superfície do painel de vidro e, ainda que mínimas podem favorecer o desencaixe desse elemento de fechamento e abertura quando de sua movimentação pelo vão do boxe, exigindo o emprego de capas que não, geralmente não dão a segurança necessária ao usuário, especialmente devido ao grande peso do vidro temperado que, se soltar-se pode causar acidentes.

[006] Além disso há problemas também na própria montagem na esquadria justamente por causa do vidro temperado (que passa por processo de têmpera, adquirindo grande dureza), o qual deve ser furado para receber o eixo do conjunto de roldanas, puxador e outros elementos, utilizando-se, para isso, brocas que exigem muita água de refrigeração durante o trabalho de furação (ou seja, indo contra a tendência atual de sustentabilidade). É comum os montadores, durante a instalação desses conjuntos de vidro de correr, não obedecerem as normas básicas da ABNT para furar o painel de vidro temperado, como por exemplo a norma NBR 7199:2016 para furos acima de 80 mm deslocados: “um furo pode situar-se a uma distância de bordo igual ao seu raio, desde que o outro bordo não adjacente esteja a uma distância de três vezes o raio para vidros de 9mm a 10mm e cinco vezes o raio para vidros de 8mm a 9mm. Exatamente por causa desses procedimentos incorretos os painéis de vidro podem sofrer alterações estruturais e, assim, durante o uso, no abre e fecha do vão, essa vulnerabilidade por causa da furação, somada à ação dos ventos, flambagem e outros fatores, acabam por desencadear “explosões espontâneas” do painel”.

Objetivo da patente

[007] Pensando nos problemas acima citados o inventor vem propor, nesse seu pedido de patente, o emprego de painéis de vidro laminado para boxes de banheiro.

[008] Para tanto, os painéis são montados em um arranjo deslizante, sustentado por duas guias fixas acopladas entre si, sendo uma destas, externa ao boxe, receptora do painel de vidro fixo e ambas recebendo, em comum, o acoplamento de uma base móvel que é apoiada na guia fixa, interna ao boxe, e que é aparafusada por um batente, ao perfil receptor do painel de vidro móvel, com fechamento por capa. Por essa base móvel acoplada ao perfil, ambos deslizam direcionados sobre o arranjo de guias fixas carregando o painel de vidro móvel (deslocado pelo usuário) para a abertura e/ou fechamento do boxe, em fim de curso suavizado por meio de batedor.

[009] O arranjo é leve e simples na instalação e eficaz no funcionamento, com ausência total de furos nos painéis de vidro (priorizando a segurança) e durante a montagem do próprio conjunto, possibilitando customização do acabamento (diversas opções de cores e texturas), ausência de roldanas para movimentação dos vidros (minimizando manutenções), inexistência de diferença de dimensões entre painéis de vidro, fixo e móvel, tendo a guia deslizante fabricada em polímero especial de alta densidade e alta durabilidade, além de oferecer um aprimoramento sustentável na cadeia produtiva por meio de economias de recursos hídricos e de estoque.

[010] Explicado superficialmente, passa a porta de painel de vidro laminado e o sistema de montagem que a envolve, a ser melhor detalhado.

[011] As imagens da figura 1, como já explicado, foram extraídas do documento de patente BR 202014026915-6 apenas como exemplo. [012] As figuras a seguir relacionadas, de 2 a 5, referem-se à porta para abertura e fechamento de vãos em questão, motivo desse pedido de patente:

Figura 2 - vista em perspectiva dos painéis de vidro laminado, montados para a formação do fechamento do vão, mostrados a partir do interior de um boxe de banheiro. No detalhe A, assim como detalhe B, é mostrado o acoplamento entre as duas guias fixas, sendo uma guia fixa externa ao boxe e uma guia fixa interna ao box. Como mostra o detalhe A, após acopladas, a guia fixa externa recebe o painel de vidro fixo e recebe também o acoplamento da base móvel que se apoia por seu corpo abaulado, sobre a guia fixa interna. A base móvel é travada pelo aparafusamento de um batente no perfil receptor do painel de vidro móvel, em fechamento por uma capa de acabamento. Os painéis de vidro, tanto o fixo quanto o móvel assentam-se em apoios da guia fixa externa e do perfil móvel, mostrados nos detalhes C e D dessa figura 2; Figura 3 - vista frontal dos painéis de vidro laminado, em condição de boxe fechado. No detalhe E é mostrado o vidro móvel assentado na base móvel do perfil móvel e encostado no batente de travamento com a guia fixa interna, bem como o fechamento pela capa externa de acabamento. No detalhe F é mostrada a outra extremidade, ou extremidade livre do painel de vidro móvel;

Figura 4 - vista em perspectiva dos painéis de vidro laminado, montados para formação do fechamento do vão, mostrados externamente ao boxe, a partir do ambiente do banheiro. Nos detalhes G e H, é mostrada a guia superior que possui uma calha frontal para introdução deslizante de capas de acabamento que podem variar na textura e nas cores e, por sua evidência, flexibilizam esteticamente o conjunto. A guia superior possui uma guia externa que recebe o painel de vidro móvel e seu batedor e, em conjunto com a guia externa recebe o painel de vidro fixo. A guia superior é fechada lateralmente por uma capa superior que, juntamente com a capa inferior são travadas com perfis verticais de estruturação dos painéis de vidro laminado.

Figura 5 - mostra que o painel de vidro móvel foi deslocado no sentido da abertura do boxe. Como se observa pelos detalhes I e J, o vidro móvel corre sobre a base móvel e é dirigido por sua extremidade livre, com batente, contra o batedor, ao final da abertura do box.

[013] Em conformidade com os desenhos anexos, a “PORTA DE PAINÉIS DE VIDRO LAMINADO, COM MONTAGEM ATRAVÉS DE CONJUNTO DESLIZANTE PARA SISTEMA DE ABERTURA E FECHAMENTO DE VÃOS”, objeto desse pedido de patente de invenção, constitui-se inferiormente de uma guia fixa inferior (1), externa ao box, receptora de um apoio (2) e, por seus dentes (3), recebendo o travamento de um tampo de acabamento (4), além de receber, por sua conformação de dentes e aba (5) o travamento de dentes e abas (6) correspondentes de uma outra guia fixa (7), interna ao boxe. Como mostram os detalhes A e B da figura 2, após o acoplamento inicial, a guia fixa externa (1) recebe o encaixe “justo” da borda inferior do painel de vidro fixo (VF) e recebe também o acoplamento de uma base móvel (8) presa por sua lateral com ponta circular (9) entre dentes (10) de uma calha lateral (11) da referida guia fixa externa (1), sendo que essa mesma base móvel (8) se assenta por sua porção meia cana (12), na guia fixa interna (7). Além disso, a base móvel (8) incorpora superiormente, alinhado à porção meia cana (12), um olhai (13) no qual é alinhado e preso, por dentes (14), o berço semicircular (15) de um perfil móvel (16), formando um orifício (17) de aparafusamento de um batente (18). Com o aparafusamento o batente (18), de mesmo perfil da base móvel (8), trava essa última (8) ao perfil móvel (16), o qual, por sua vez, recebe ainda um apoio (19) de assentamento quando do encaixe “justo” da borda inferior do painel de vidro móvel (VM), completado por um batedor (20), com fechamento lateral por meio de uma capa inferior (21) dotada de dentes superiores (22), como também mostram os detalhes C e D da figura 2 e os detalhes E e F da figura 3.

[014] Através dos dentes (22) da capa inferior (21) são presas as extremidades inferiores das calhas verticais (23) de sustentação lateral dos painéis de vidro (VF) e (VM), cujas extremidades superiores acoplam-se em dentes (24) da capa superior (25), que fecha lateralmente a guia fixa superior (26), como mostra a figura 4. Como se observa pelos detalhes G e H, essa guia fixa superior (26) possui uma calha frontal (27) ao longo de sua extensão, receptora do encaixe deslizante de um painel de acabamento (28), além de ser formada por uma guia interna (29) que aloja o batedor (30) e que recebe o encaixe “justo” da borda superior do vidro móvel (VM), além de uma guia fixa externa (31), receptora do encaixe “justo” da borda superior do vidro fixo (VF).

[015]Assim montada, como mostra a figura 5, para o uso do boxe a porta tem o seu vidro móvel (VM) repuxado a partir de um puxador (P), que é preso no ponto desejado a partir de um gabarito (não mostrado) por meio de fita adesiva. Ao ser trazido no sentido da abertura, o vidro móvel (VM), assentado no apoio (19) do perfil móvel (16), desliza suavemente pela base móvel (8) em contato sem atrito por sua porção meia cana (12) (polímero de alta densidade), até atingir pelo batente ( 18), o lado oposto do boxe, em fim de curso também suavizado pelo batedor (20). O mesmo ocorre na guia superior (26), tendo o fim de curso do vidro móvel (VM) suavizado pelo batedor (30) da guia interna (29).

[016]Como se observa, o conjunto evita uso de furação e, consequentemente de parafusos, facilitando notavelmente a instalação no boxe do banheiro em quaisquer das etapas da montagem, desde as guias fixas (1) e (7) inferiores, as calhas verticais (23) bem como a guia fixa superior (26), que são fixadas no piso, paredes e viga por meio de aplicação de cola de silicone ou mesmo de fita adesiva. O próprio travamento entre a guia fixa (1) e o perfil móvel (17) que carrega o vidro móvel (VM) é feito por engate a partir da base móvel (8), recebendo um único parafuso. Os painéis de vidro (VF) e (VM) são, igualmente, apenas encaixados entre a guia externa (1), perfil móvel (17) e as guias externa (27) e interna (29) superiores, sendo nestas faceados “justo” por suas bordas inferior e superior sem deixar, (como no sistema de roldanas) frestas indesejáveis que possam provocar desencaixe durante o abre- e-fecha do boxe, evitando acidentes. Pelo fato de não haver necessidade de furação, os painéis de vidro (VF) e (VM) podem ser fabricados em vidro laminado, leves, de menor custo e ecologicamente corretos. A tampa de acabamento (28) que é inserida na calha frontal (27) da guia superior (26), pode ter textura e cor diferente do conjunto, de modo a customizá-lo conforme desejo do consumidor, trazendo assim um atrativo estético a mais após a instalação no boxe do banheiro.

[017]Como se observa, as vantagens em relação ao sistema de roldanas, é perfeitamente notada no conjunto em questão, pela leveza, simplicidade na instalação, no sistema de montagem entre os componentes, no uso (mais seguro), enfim, trazendo visíveis inovações tanto técnicas quanto estéticas e comerciais. Evidentemente, o número de painéis de vidro laminado pode variar conforme as dimensões do boxe, desde que se mantendo o mesmo sistema de montagem.