Login| Sign Up| Help| Contact|

Patent Searching and Data


Title:
IMPROVED FOOTWEAR PACKAGING PROVIDED WITH SYSTEM FOR OPTIMIZING LOGISTICS VOLUMES AND WEIGHT DISTRIBUTION
Document Type and Number:
WIPO Patent Application WO/2020/024028
Kind Code:
A1
Abstract:
The present invention relates to an inflatable recipient (1) provided with a resealable closure system (6), which may be male and female tracks also known as the Ziplock system, or another single or double closure system, enabling the packaging to be closed and opened for reuse of the inflatable recipient (1) several times, including a lateral tab (7) for connection to another inflatable recipient (1), said connection tab (8) being longer, to enable the inflatable recipients (1) to be stacked in a zig-zag pattern to form cases. The connection tab (7) of the inflatable recipients (1) has a perforated area (9) to facilitate separation and isolation the inflatable recipient (1). The inflatable recipient (1) also has lateral blisters (10) arranged strategically to enable stacking and improve protection of the footwear and stability of the inflatable recipient (1).

Inventors:
SAUZEM SCHMIDT LUIS FERNANDO (BR)
BALDASSARI VELOSO JOSÉ MANOEL (BR)
Application Number:
BR2019/050304
Publication Date:
February 06, 2020
Filing Date:
July 30, 2019
Export Citation:
Click for automatic bibliography generation   Help
Assignee:
SAUZEM SCHMIDT LUIS FERNANDO (BR)
BALDASSARI VELOSO JOSE MANOEL (BR)
International Classes:
B65D85/18
Domestic Patent References:
WO2016188365A12016-12-01
Foreign References:
BR102016011270A22017-12-05
JP2000203649A2000-07-25
US4722438A1988-02-02
Attorney, Agent or Firm:
CAPELLA & VELOSO ADVOGADOS ASSOCIADOS (BR)
Download PDF:
Claims:
REIVINDICAÇÕES

1-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO” compreende um recipiente inflável (1 ) apto a alojar calçados e similares provido de dois compartimentos independentes, almofadas de ar internas com forma semelhante ao pés (2) e embalagem (3), dotados de dois bicos independentes (4 e 5) respectivamente, caracterizado pelo fato do recipiente inflável (1 ) ilustrar, preferencialmente na extremidade superior um sistema de fechamento re-seíável (6), podendo ser do tipo trilhos macho e fêmea, também conhecido como sistema ziplock, ou outro sistema de fechamento.

2-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO”, caracterizado pelo fato do recipiente inflável (1 ) ser provido lateralmente de aba de conexão (7) com outro recipiente inflável (1 ), sendo que a cada 4 ou 6 recipientes infláveis (1 ), ou a cada quantidade de recipientes infláveis (1 ) escolhidas pelo fabricante, uma aba de conexão (8) mais extensa, permite o empilhamento dos recipientes infláveis (1 ) em ziguezague para formação da grade ou outro formato conforme a necessidade logística.

3-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO”, de acordo com a reivindicação 2, caracterizado pelo fato das abas de conexão (7) e (8) dos recipientes infláveis (1 ) apresentarem área picotada (9), como forma de facilitar a separação e individualização recipiente inflável (1 ) quanto da necessidade de ser exposta em uma vitrine ou prateleira no ponto de venda, bem como no momento da venda do produto.

4-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO”, caracterizado pelo fato do recipiente inflável (1 ) ilustrar bolhas laterais (10) dispostas de forma estratégica, como forma de permitir e empilhamento e proporcionar maior proteção ao calçado e estabilidade ao recipiente inflável (1 ) no momento do transporte e armazenamento ou quanto exposta em uma vitrine ou prateleira no ponto de venda.

5-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO” caracterizado pelo fato do recipiente inflável (1 ) ser provido de aba superior (1 1 ) dotada de diversos furos (12).

6- “APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE

PESO”, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizado pelo fato do sistema de fechamento re-seláveí (6) ser em qualquer extremidade do recipiente inflável (1 )-

7-“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO”, de acordo com a reivindicação 1 , caracterizado pelo fato sistema de fechamento re-selável (6), ser simples ou duplo.

Description:
“APERFEIÇOAMENTO APLICADO EM EMBALAGEM DE CALÇADO, DOTADO DE SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE VOLUME LOGÍSTICO E DE DISTRIBUIÇÃO DE PESO”.

Campo de Aplicação

01 O presente privilégio de invenção refere-se ao aperfeiçoamento aplicado em embalagem de calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, capaz de proporcionar maior agilidade na linha de produção, economia e segurança ao calçado.

Estado da Técnica

02 Atualmente, o estado da técnica revela a existência do pedido de patente BR 10 2016 011270 2, intitulado“APERFEIÇOAMENTO EM PROCESSO DE ACONDICIONAMENTO E PROTEÇÃO DE CALÇADOS E SIMILARES E EMBALAGEM DE CALÇADO”, que compreende um recipiente apto a alojar calçados e similares provido de dois compartimentos independentes, almofadas de ar internas com forma semelhante ao pé e embalagem, dotados de dois bicos independentes respectivamente, dispostos lado a lado para facilitar o operador no momento de inflar a embalagem. O primeiro bico proporciona inflar o compartimento dos pés e o segundo bico infla a embalagem propriamente dita.

03 Entretanto, a matéria inventiva reivindicada na anterioridade acima citada apresenta limitações de fechamento alternativo, possibilitando reaproveitamento da embalagem proposta, permitindo solucionar as dificuldades logísticas e de empilhamento, assim como de suporte para exposição, trânsito e porte pelo usuário.

04 O sistema de fechamento da embalagem objeto da anterioridade acima citada apresenta como limitação não permitir o fechamento (posição inflada) e abertura (posição vazia) da embalagem, posto que se utiliza sistema de lacre por solda térmica do compartimento de acondicionamento do calçado, exigindo que após esvaziada seja, necessariamente, utilizada nova área para soldagem térmica inviabilizando a reutilização da embalagem.

05 Outra limitação verificada na matéria inventiva reivindicada na anterioridade acima citada, refere-se a questão logística, tendo em vista que não apresenta solução para dificuldade de empilhamento, bem como de volume e distribuição de peso.

06 Outrossim, outra limitação verificada na anterioridade citada diz respeito a alça, posto que a solução apresentada se limita única e exclusivamente a permitir que o usuário carregue.

Descrição do privilégio de invenção

07 O objetivo do presente privilégio de invenção vem de maneira eficaz resolver as limitações encontradas no pedido de patente BR 10 2016 01 1270 2. Isto é conseguido através do aperfeiçoamento aplicado em embalagem de calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, dotado de sistema que possibilite o fechamento e abertura da embalagem para reaproveitamento, bem como de área conexão“picotada” entre as embalagens e bolhas laterais, permitindo melhor aproveitamento de volume logísticos ou distribuição de peso, além de proporcionar maior proteção ao calçado e estabilidade à embalagem quando exposta em uma vitrine ou prateleira no ponto de venda. Ainda, uma aba superior possui diversos furos que servem como alça para colocação de dedos, mas também podem ser usadas para conectar uma embalagem à outra por algum dispositivo, ou suspender a embalagem num expositor.

Vantagens do privilégio de Invenção

08 São vantagens do presente privilégio de invenção:

- Sistema de fechamento re-selável (ziplock) permite que a embalagem possa ser aberta e fechada, e inflada inúmeras vezes;

- As abas laterais permitem que as embalagens possam se conectar umas às outras formando uma grade para transporte de forma prática e segura;

- Os picotes existentes nas abas laterais de conexão permite que as embalagens possam ser destacadas uma das outras;

- As bolhas laterais promovem maior robustez e segurança ao calçado, permitindo maior estabilidade quando a embalagem está sobre uma prateleira e facilita na formação da grade por meio dos encaixes das mesmas;

- A aba superior dotadas de diversos furos, permite que a embalagem possa ser transportada manualmente, servindo também para suspender a mesma em gôndolas ou servir para unir uma embalagem à outra por meio de algum dispositivo adicional.

Descrição das Figuras

09 A fim de permitir a plena compreensão do aperfeiçoamento aplicado em embalagem de calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, o mesmo passa a ser descrito detalhadamente, com base nas seguintes figuras:

Figura 1 - Vista frontal da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso;

Figura 2 - Vista lateral da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso;

Figura 3 - Vista superior da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso;

Figura 4 - Perspectiva isométrica da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso;

Figura 5 - Vista frontal da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, ilustrando abas laterais, bolsa externa e alça de transporte;

Figura 6 - Vista lateral da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, ilustrando abas laterais, bolsa externa e alça de transporte;

Figura 7 - Vista superior da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, ilustrando abas laterais, bolsa externa e alça de transporte; Figura 8 - Perspectiva isométrica da embalagem para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, ilustrando abas laterais, bolsa externa e alça de transporte;

Figura 9 - Perspectiva isométrica de diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas;

Figura 10 - Detalhe da perspectiva isométrica de diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas, ilustrando as abas de conexão e área picotada;

Figura 1 1 - Detalhe da vista frontal de diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas, ilustrando as abas de conexão e área picotada;

Figura 12 - Vista frontal de diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas;

Figura 13 - Vista superior de diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas;

Figura 14 - Perspectiva isométrica da grade formada por diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas entre si ;

Figura 15 - Vista frontal da grade formada por diversas embalagens para calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso, conectadas entre si.

Descrição Detalhada da Invenção

10 De acordo com as figuras de 1 a 15, o aperfeiçoamento aplicado em embalagem de calçado dotado de sistema de aproveitamento de volume logístico e de distribuição de peso compreende um recipiente inflável (1 ) apto a alojar calçados e similares provido de dois compartimentos independentes, almofadas de ar internas com forma semelhante à de pés (2) e embalagem (3), dotados de dois bicos independentes (4 e 5) respectivamente. O recipiente inflável (1 ) ilustra, alternativamente na extremidade superior, podendo ser em qualquer outra extremidade, sistema de fechamento re-selável (6), podendo ser do tipo trilhos macho e fêmea, também conhecido como sistema ziplock, ou outro sistema de fechamento, simples ou duplo, como forma de permitir o fechamento e abertura da embalagem para reaproveitamento do recipiente inflável (1 ) por diversas vezes.

1 1 Lateralmente o recipiente inflável (1 ) pode ser provido da aba de conexão (7) com outro recipiente inflável (1 ), sendo que a cada 4 ou 6 recipientes infláveis (1 ), ou a cada quantidade de recipientes infláveis (1 ) escolhidas pelo fabricante, uma aba de conexão (8) mais extensa, permite o empilhamento dos recipientes infláveis (1 ) em ziguezague para formação da grade, permitindo melhor aproveitamento de volume logísticos e/ou distribuição de peso.

12 As abas de conexão (7) e (8) dos recipientes infláveis (1 ) apresenta área picotada (9), como forma de facilitar a separação e individualização recipiente inflável (1 ) quanto da necessidade de ser exposta em uma vitrine ou prateleira no ponto de venda, bem como no momento da venda do produto.

13 O recipiente inflável (1 ) pode conter ainda as bolhas laterais (10) dispostas de forma estratégica, como forma de permitir o empilhamento e proporcionar maior proteção ao calçado e estabilidade ao recipiente inflável (1 ) no momento do transporte e armazenamento ou quanto exposta em uma vitrine ou prateleira no ponto de venda.

14 O recipiente inflável (1 ) pode ser provido da aba (1 1 ) dotada de diversos furos (12) que servem como alça para colocação de dedos, mas também podem ser usadas para conectar uma embalagem à outra por algum dispositivo, ou suspender a embalagem num expositor no ponto de venda.